Senadores querem barrar candidatos com “ficha suja”

25jun08

politico_veja.jpg

Duvido que ‘cole’, mas vamos lá: na tentativa de evitar a eleição de candidatos que respondem a processos na Justiça, os senadores Pedro Simon (PMDB-RS), Jarbas Vasconcellos (PMDB-PE) e Demóstenes Torres (DEM-GO) vão apresentar ao plenário do Senado na próxima terça-feira (1º) proposta para votação conjunta dos 26 projetos que impedem que candidatos com “fichas sujas” sejam eleitos. O objetivo dos parlamentares é aprovar no Congresso um texto único com regras mais duras para os candidatos a tempo de entrar em vigor nas eleições municipais de outubro.

Os senadores esperam ter o apoio do plenário para a reunião dos projetos, com o objetivo de colocar o novo texto em votação na terça-feira na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado. O novo texto impede a candidatura de políticos já condenados na Justiça, em qualquer instância, por crimes eleitorais, corrupção, improbidade administrativa ou com penas superiores a dez anos de detenção –como homicídios e estupros.
Continue lendo >>>

Anúncios