Ainda prefiro os cachorros (crueldade humana contra animais)

11fev08

2) A política do ‘extermínio’ é ultrapassada.

É isso mesmo! Ultrapassada, fruto de mentes tacanhas, insensíveis e burras (do ponto de vista financeiro).

O controle das populações animais deve ser feito com inteligência e sensibilidade. Se, de um lado é ele necessário, de outro, não podemos ignorar que um dos maiores fatores que causam a explosão populacional é a irresponsabilidade humana.

Muitas pessoas ainda imaginam animais de estimação como se fossem eles brinquedos e os adquirem por impulso. Quando se dão conta de que o amor e companhia ofertados por tais animais é acompanhado também de trabalho e despesa, não raro os ‘descartam’, jogando-os na rua pura e simplesmente.

Aliás, isso me fez lembrar um livro de Stephen King (‘Jogo Perigoso’), mas isso é Outraaaa história.

O que seria necessário:
a) Política de conscientização dos aspirantes a proprietários,
b) Obrigatoriedade de cadastro dos animais e fiscalização que autuasse quem burlasse a fiscalização,
c) Política de castração em massa (e gratuita, assim como ocorre com a questão da vacinação contra a raiva),
d) Fiscalização dos criadores de animais para venda,

Em Campinas/SP, foi aprovada uma lei de ‘castração em massa’, conforme se pode conferir aqui. Em muitas outras localidades também.

Páginas: 1 2 3 4 5



7 Responses to “Ainda prefiro os cachorros (crueldade humana contra animais)”

  1. Kátia

    Concordo contigo em número, gênero e grau. Ajude a divulgar, pois a ‘causa animal’ é importante a todos que tem um mínimo de humanidade.

    Obrigada pela visita e comentário.
    Grande abraço.
    😉

  2. 2 KATIA

    Acho isso um absurdo, vou repassar para todos que conheço e se importam com a causa animal.


  1. 1 Circo legal não tem animal! « Latidos Sussurrados
  2. 2 Especicismo? « Palavras Sussurradas
  3. 3 Especicismo? » Palavras Sussurradas
  4. 4 Guillermo Vargas Habacuc: crueldade contra animais » Palavras Sussurradas
  5. 5 Guillermo Vargas Habacuc: crueldade contra animais « Palavras Sussurradas