Ainda prefiro os cachorros (crueldade humana contra animais)

11fev08

 Câmera de gásCães e gatos mortos em dita câmara

É, a cada dia que passa mais me sinto inclinada a concordar com o velho ‘deitado’:

“Quanto mais conheço os homens, mais eu gosto dos cachorros!”

Agora, por mais que você não sinta nenhuma empatia por pets, ao menos por seu bolso você sente não é?

Pois as políticas municipais de controle da população animal acabam gastando o nosso dinheiro como se ele nascesse em árvores.


1) Veja o que está ocorrendo e Goiânia:

“A prefeitura de Goiânia e o CCZ querem exterminar todos os animais da cidade, quer sejam eles abandonados ou não!

E o novo Diretor do Centro de controle de Zoonoses de Goiânia ainda, com a ‘cara mais lavada do mundo’, se diz ‘aberto’ à algumas parcerias com ONGs de proteção animal!

– O CCZ não aguarda o tempo regulamentar de 72 horas para sacrifício dos animais apreendidos. Assim que eles chegam, são exterminados.
– O método de extermínio é o mais cruel possível:
 a) os animais são ‘enfiados’ num cubículo de cimento e não seguem sozinhos! Com eles outros 10 têm o mesmo cruel destino,
b) a este cubículo existe acoplado um cano de gás e na outra ponta, o motor de um fusca,
c) são os animais mortos em decorrência do gás carbônico e agonizam por cerca de 20 minutos,
d) existem suspeitas de que alguns animais são enterrados vivos,

– No ano de 2007 em dita localidade foram apreendidos mais de 17 mil animais, dos quais 15 mil perderam a vida deste modo cruel e desumano.
– Todo o processo é supervisionado pelos próprios laçadores que, sob meu ponto de vista pessoal, não passam de animais, tal como descrito por Aristóteles (o mais cruel dos animais).
– Este número tende a aumentar, haja vista que a “Otoridade pública” não dá o menor aceno no sentido de levar a efeito uma séria política pública de castração em massa.

O mais insensível dos homens poderia pensar: “E daí? Não gosto de pets mesmo!”. SÓ que: não conheço NENHUM humano que não goste de dinheiro (a parte mais sensível do ser humano AINDA é o bolso). E esta política de extermínio equivale a jogar o dinheiro de TODOS os contribuintes pela janela.

O custo de uma castração em massa (política adotada por localidades que têm pessoas sérias e comprometidas com o interesse público sentadas nas cadeiras do poder) é de R$ 5,19 (ou seja: menos do que duas cervejas geladas em Sampa).
Fonte: SGOPA

Anúncios

Páginas 1 2 3 4 5



7 Responses to “Ainda prefiro os cachorros (crueldade humana contra animais)”

  1. Kátia

    Concordo contigo em número, gênero e grau. Ajude a divulgar, pois a ‘causa animal’ é importante a todos que tem um mínimo de humanidade.

    Obrigada pela visita e comentário.
    Grande abraço.
    😉

  2. 2 KATIA

    Acho isso um absurdo, vou repassar para todos que conheço e se importam com a causa animal.


  1. 1 Circo legal não tem animal! « Latidos Sussurrados
  2. 2 Especicismo? « Palavras Sussurradas
  3. 3 Especicismo? » Palavras Sussurradas
  4. 4 Guillermo Vargas Habacuc: crueldade contra animais » Palavras Sussurradas
  5. 5 Guillermo Vargas Habacuc: crueldade contra animais « Palavras Sussurradas