Jesus, o maior psicólogo que já existiu (?) – Capítulo I (Como as pessoas pensam?)

01fev08

maiorpsicologo2.jpg 

A Presente é apenas uma continuação da crítica ao livro “Jesus, o maior psicólogo que já existiu”. Foi ela motivada por uma palestra que mantinha com uma amiga, que leu o livro e o considerou verdadeira ‘maravilha’.

Capítulo I

Subtítulo – Entendendo como as pessoas pensam

1 – Neste capítulo, o autor:
a) relaciona humildade com sabedoria, aduzindo que o verdadeiro sábio é humilde (alegando, inclusive, que Jesus era humilde),
b) aduz que todos baseamos nossa vida mais no que acreditamos do que no que sabemos,
c) que quanto mais sabemos, mais deveríamos perceber que existem muitas coisas que ainda não sabemos,
d) que a vida está mais ligada à fé do que ao conhecimento,

2 – Considerações sobre as idéias gerais do capítulo:

a) Jesus era humilde?
Conceito de humildade:
Humildade = s.f. Modéstia, submissão, pobreza, inferioridade,
Humilde = adj. 2 gên. Modesto, simples, despretensioso.
Fonte:
Dicionário Houassis

Vejamos à quantas andava a humildade do ‘mestre’:

I Coríntios 8:6 – Todavia, para nós há um só Deus, o Pai, de quem são todas as coisas e para quem existimos; e um só Senhor, Jesus Cristo, pelo qual são todas as coisas, e nós também, por ele.
João 12:49 – Porque eu não tenho falado por mim mesmo, mas o Pai, que me enviou, esse me tem prescrito o que dizer e o que anunciar.
João 12:44: “Quem crê em mim crê, não em mim, mas naquele que me enviou.”
João 15:26- 27 – Quando, porém, vier o Consolador, que eu vos enviarei da parte do Pai, o espírito da verdade, que dele procede, esse dará testemunho de mim; e vós também testemunhareis, porque estais comigo desde o princípio.
João 10:30 – Eu o Pai somos um.

Note que em Matheus, Jesus disse que era:

- “Maior do que o templo”

Mateus 12:6 aqui está quem é maior que o templo.

- “Maior do que Jonas”

Mateus 12:41 E eis aqui está quem é maior do que Jonas.

- “Maior que Salomão”

Mateus 12:42 E eis aqui está quem é maior do que Salomão.

Desde quando uma pessoa humilde humilha outras?
Uma mãe humilde e desesperada, pois sua filha estava possuída por um espírito maligno, foi humilhada e rebaixada a esculachos por Jesus Cristo. Ele simplesmente a comparou aos “cachorros” e só a ajudou após ela se humilhar ainda mais pra ele!

“Marcos 7, 25-30:pois uma mulher, cuja filha possuía um espírito imundo, logo que soube que ele estava ali, entrou e caiu a seus pés. (Essa mulher era pagã, de origem siro-fenícia.) Ora, ela suplicava-lhe que expelisse de sua filha o demônio. Disse-lhe Jesus: Deixa primeiro que se fartem os filhos, porque não fica bem tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cães. Mas ela respondeu: É verdade, Senhor; mas também os cachorrinhos debaixo da mesa comem das migalhas dos filhos. Jesus respondeu-lhe: Por causa desta palavra, vai-te, que saiu o demônio de tua filha. Voltou ela para casa e achou a menina deitada na cama. O demônio havia saído.”

Nota: Ele acabou socorrendo, mas somente após ela ter se humilhado perante ele.

b) Todos baseamos nossas vidas mais no que acreditamos do que no que sabemos.

De onde o escritor tirou isso, realmente não sei. Mas a proposição está incorreta.

Talvez alguns baseiem suas vidas em crenças. Mas a maioria dos humanos toma suas decisões, baseia suas vidas no que sabem, no conhecimento que acumularam no decorrer de suas existências.

c) Acho que aqui basta dizer que trata-se de máxima socratiana plagiada. Ou não?

d) A vida está mais ligada à fé do que ao conhecimento.

Fé é uma convicção baseada em idéias (não comprovadas) arraigadas na pessoa. Os fatos, objetos de fé, não precisam ser comprovados. A pessoa neles crê simplesmente porque tem fé.
O que o autor afirma não corresponde à verdade. A vida humana é mais baseada em conhecimentos do que em fé. Foram os conhecimentos acumulados no decorrer da história que trouxeram o homem ao estágio em que está. Até mesmo nas decisões que toma, o homem ordinário considera muito mais o que conhece sobre o assunto do que em suas crenças.

About these ads


18 Responses to “Jesus, o maior psicólogo que já existiu (?) – Capítulo I (Como as pessoas pensam?)”

  1. Quanta falta de sabedoria…

  2. ele morreO por vooc cara… naum diz issO naoO…
    apenas ele e minha maee morreriam por mim…
    isso eh o suficiente para vooc ver kee ele era HUMILDE… vooc eh HUMILDE?

  3. 3 Marcos

    Colega,
    Sinto em lhe dizer que sua matéria é um lixo,
    provavelmente você não é uma pessoa Cristã.
    Enfim, se você conhecesse realmente a Jesus,
    tivesse vivido no seu tempo, ou estudado os costumes
    da época, terias criado uma matéria melhor do que este lixo.
    É de total falta de respeito com O Patrão, e com o autor do livro,
    cuja a visão de Jesus é de um líder humilde, ou seja, manso,
    sem a intenção de ser uma Lady Gaga da vida, ou simplesmente Você!
    Fica uma dica, procure tratamento psicológico e espiritual,
    porque provavelmente há um encosto anti-cristo atrás de ti.

    Melhoras a vossa pessoa e passar bem.

    MHZ

  4. 4 rogerio

    Bom, concordo com vc qdo diz q as pessoas tomão decisão baseadas nos conhecimentos acumulados durante a vida, mas isso não é tudo. Um investidor, quando investe seu capital em empresas, ele sabe, por sua experiencia e conhecimentos estatisticos, o quanto isso vai lhe render. No entanto sabe também q o risco de uma grande crise, ou acidente com algum alto executivo da empresa, ou um atentado terrorista, ou desastre hambiental, uma medida provissória do governo, e tudo isso tão “corriqueiro” ultimamente, pode faze-lo perder tudo da noite pro dia. Na verdade sabemos q a bolsa sobe e desce com incrivel facilidade. Bom, sendo assim, o investidor tem todo conhecimento possivel pra saber q ele não sabe nada… nada do futuro. Seus calculos por mais precisos naum podem realmente prever tudo. Logo a experiencia de vida dele nesses investimentos falam q por mais cauteloso q ele seja, é necessario muita “FÉ” pra investir nisso, do contrario ele investira na poupança. É disso q o autor fala, por mais q pensamos no que iremos fazer, mesmo assim, temos q ter muita fé q ira dar certo, ou mais fé numa coisa que na outra. Temos mais fé numa coisa do que em outra de acordo com as experiencias que tivemos na vida.

  5. 5 rogerio

    Vc esta certo qdo diz q Jesus humilhou a mulher, se lermos superficialmente. Desconsiderando etnias e costumes da época, Jesus sempre provava a fé das pessoas, nessa ocasião não foi diferente, em Mateus 15:28 traz mais clara essa idéia, quando Jesus diz a mulher: Ó mulher, grande é a tua fé! Nesse frase vemos então o mestre engrandecendo a fé da mulher, depois de tela provado (“humilhado”), q mesmo sobre o forte argumento de q a benção era para os Judeus e não para os Gregos, q na verdade era um pensamento pretencioso dos judeus, mesmo assim a mulher acreditou q Jesus poderia mesmo com apenas uma migalha do seu poder curar sua filha. A humilhação não era pessoal, mas no sentido da grandeza do poder de Deus (Jesus é Deus). Depois Jesus elogiou a fé da mulher e fez segundo a fé dela, como diz o texto, e não pq Jesus se cansou de ve-la pedindo, não foi pela “encheção de saco”, mas pela fé da mulher q o milagre foi feito.

  6. Jesus é…
    [MODERAÇÃO: PREGAÇÕES NÃO SÃO BEM-VINDAS. PROCURE UMA IGREJA]

  7. 7 Fernanda

    Dá para perceber que essas críticas foram feitas por uma pessoa sem o mínimo de FÉ EM DEUS! É com toda certeza um ateu, o que é lamentável. Pois a coisa mais óbvia do mundo é que “toda criação tem um criador”. Nós seres humanos somos criação de DEUS, O TODO PODEROSO SIM!!
    Na minha opinião, este cidadão deveria estudar mais sobre os costumes da época de Cristo, nosso SENHOR, e ler a Biblia minuciosamente, para não citar tantas BESTEIRAS!

    • A pessoa desinformada aqui é a senhorita. Pregações não são bem-vindas. Procure uma Igreja.

    • 9 Débora

      LOUVO A DEUS POR TUA VIDA,DEUS ABENÇOE!!!!JESUS ÉO SENHOR!!!!

  8. 10 Priscilla

    Se você não gosta de Deus nosso pai, não precisa falar dele não é?!Obs:Você não crê em Deus.

  9. 11 KIKO

    SAI FORA FILHO DO DEMO

  10. 12 karol

    Deveria pensar +..estudar.. antes de falar de Jesus..ele foi msmo o maior psicologo q exisitiu..ele foi maior do q todos os profetas q passaram por esta terra..pq ele eh o Rei dos reis..isso te atinge?..por certo sim neah..pra fazer comentários tão sinistros e absurdos..só sendo louco msmo..a mão de Deus pesa viu cidadão?..Se liiga..e freia tua lingua…oh maluco..

  11. Apenas 1 coisinha mais. Não li o livro “Jesus, o maior psicólogo que já existiu” mas certamente ele precisou de muita psicologia para lidar com o povão. Nada demais! Precisamos de psicologia para tratar com as pessoas no dia a dia. Poucas se dão bem nesse exercício. Muito poucas. São o que chamamos na sociedade atual de bem sucedidas. Não tem nada a ver com inteligência ou cultura. Trata-se de habilidade natural. Aquele papo de inteligência emocional. Poderia apontar vários exemplos. Dizem os entendidos que os psicopatas são bons nisso. Fique bem claro que não estou chamando ninguém de psicopata. São apenas exemplos. Poderia apontar vários nomes, mas apontarei Lula que, talvez sem nem saber, usa de muita psicologia com o seu eleitorado. Aposto que vai ganhar muita grana na sua próxima carreira como palestrante.
    Tenho uma teoria sobre o uso da psicologia. Vai lá no meu blog. Pode acentar o cacete. Mas alto lá, gosto de papo não de agressividade e não pertenço a nenhuma igreja. Nada como o diálogo, certo?!

  12. Acho que atacar da forma que você fez ou defender agressivamente como alguns religiosos fanáticos fazem dá no mesmo. O homem, Jesus, nada deixou escrito. O que sabemos é de 3ºs. Prefiro os escritos gnósticos que, para mim, retratam mais fielmente Jesus. Era um jovem muito além do seu tempo que sabia muito bem o que estava fazendo e como iria acabar. Ele precisou arrumar uma forma de se comunicar com um povinho estúpido e bruto. As palavras dele (a meu ver)
    nada tinham a ver com religião. Estão mais para ciência. A mensagem por trás da
    mensagem (subliminar). Os 10 mandamentos, q hoje nos parecem ridículos, foram criados e usados por Maomé para impor a ordem numa época em que os homens eram quase tão irracionais como os próprios animais. Religião era um subterfúgio usado par impor o medo. A idéia de um Deus não está ligada a Jesus (sequer acredito que ele quis ficar na história como um Deus). O que ele ensina é que todos temos poder para sermos deuses, temos o poder dentro de nós, para o bem ou para o mal. É preciso ler mitologia para entender a relação do homem c a religião. Indicaria O poder do mito, Joseph Campbell. Várias ciências, na verdade explicam a religião mas acho que Campbell une todas elas.
    É preciso lembrar que não existem verdades absolutas, nem em termos de religião nem de ciência. Existem culturas e costumes e o inconsciente coletivo (psicologia -
    como a pomba branca q todos relacionamos com paz) e as verdades de cada um (vivência/vivências). Desculpe o tamanho do comentário. Não resisti.

  13. 15 Claudia

    Sr. nunca vi comentários tao absurdos quanto ao que colocou aqui.

    Concordo com o comentário que antes de expor suas idéias, deveria pesquisar sobre o assunto e nao blasfemar de tal forma.

    O Sr. nao crê em DEUS nao é mesmo ?

  14. 16 Alexsandro

    o ato de ele não falar o que ele falou, não significa que ele não era humilde..apenas seguia os custumes do povo judeu… e mais ele tem poder pra fazer o que ele quizer… afinal ele nunca deixou de ser Deus… o domonio esta nas mão dele, ele faz como que… o que se sabe o q aquela mulher pensava ou falava dos judeus, ou mesmo de Jesus?…

  15. 17 Alexsandro

    o amigo… antes de vc colocar idéias a respeito de Jesus, faça logo uma pesquisa sobre como era os custumes de antigamente… verifique como os povos se relacionava… e mais leia a biblia e verás que a salvação e os milagres eram so pra os judeus so por conta de que os judeus não quiseram aceitar foi que passou para o mundo inteiro…

  16. 18 Junior

    Sem comentarios.



Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.